A dor da velhice

by - sábado, maio 01, 2010

 Shimbalaiê Sambalelê tá doente. Tá com a cabeça quebrada…

Tez reau pra quem adivinhar em que lugar maravilhoso eu me encontro neste momento precioso. VALENDO, VEADAS!

.

.

.

Em uma cama de hospital, com o corpo e o pulmão pedindo um momento de descarrego, olhos inchados e sem vida. Tá boa, fia? Ótchemo, néam? Melhor ainda é que não tenho nem dinheiro para comprar meu líquido precioso: Coca-cola. Vamo beber? Também não… porque olha, água é a única bebida que a gente consegue de graça. Alguém pelo o amor da Santa Prega Costurada me dá um cigarro? Sério. Tô com o sistema nervoso. Não fumo, detesto cheiro de cigarro, mas essa situação é válida. Cuspi meu pulmão direito e tá tudo tranqs.

O que custa me dar um Prozaquezinho ou um Gadernalzinho? Quié que custa pra esse povo? Dá a porra desses remédios logo e para ele descer legal, um corote. Obrigadã, como já diz a sábia Jarilene. Esse meu corpo é burro porque, olha, eu deveria escarrar meu coração e não do pulmão, pusque né, meu coração passa muito mais aperto do que meu pulmão. Ministério da Saúde avisa.

GOD, I’M ALONE. Só para ficar sabendo, viu? Não sei, mas creio que colocaram drogas alucinógenas no meu nebulizador. Gente… eu não sabia que os cogumelos e bananas dançavam tão bem. Juro. Eu os vi dançando tango. Nem me importo em estar nesse manicômio de gente saudável mentalmente… Invejem-me. Minha irmã trabalha aqui e tá tudo na paz e amor comigo.  Cuidados especiais. Nada de enfermeiros catilangos, grossos e frios. Sabe, acho que fiquei doente só pra ver se recebo carinho. Em tese está funcionando, pero… CADÊ OZÔMI? Só tem mulher nessa pocilga?

Tá de boa. Roubei o not da minha irmã e pedi para a outra trazer a infernetchy 3 (TRÊS) G (GÊ) pra cá. E eu recebo visita de quem? Das minhas tias… cadê que meus ex namorados vêm me visitar? Cadê os cats ( quéti)? AZAMIGA que sabem da minha cotispação? Amanhã cedo estarei em meu pobre ryckoh apertamento passando fome e vivendo a base de água. Eu não sei se agradeço ou se reclamo. Passar fome não vai ser assim tudo de ruim. 50 kg estou pesando. Fazendo um treinamento psicológico para virar Farqui.

PAI, DEPOSITA LOGO A PORCARIA DESSE DINHEIRO PQ A GORDA AQUI VAI ENFARTAR. GRATA.

E por que eu não arrumo um trabalho? Pusque as empresas preferem um babaca com experiência do que uma pessoa como eu: troglodita poliglota, inteligente, 3.000 horas/aulas de ética, curso de chefia e liderança, bonita, gostosa, bunduda, curso de comunicação, MORENA, que escreve bem pra caramba, tem uma educação suíça e estuda a arte de controlar a mente humana psicologia. Vou fazer o quê, né?

Eu só tenho 7 dinheiros para a semana. Eu e minha irmã. Tipos, a passagem do ônibus é a contia milionária de R$1,90. Colaborem com a ceguinha aqui. Deposite seus euros em meu cofrinho. Sem maldadee.

You May Also Like

0 soltando o verbo

Soltem o verbo...