A Arte de Ser Pão-Duro

by - sexta-feira, dezembro 16, 2011

 

tumblr_lebnbaaOK51qzq5yso1_500
Pra quê gastar zilhões com lancheiras se posso levar meu lanche num saquinho lindo desse?

Uma coisa que sempre tive muito cuidado foi com dinheiro… dos outros. Minha mãe tem muita sorte em ter-me como filha. Não gosto muito de gastar o que não é meu o que me proporcionou ser uma pessoa confiável para administrar o vida financeira de algumas amigas e lidar com tesouraria.

   Por mais que os aspectos emocionais sejam totalmente descontrolados, desregulados, impublicáveis, quando trata-se de dinheiro tudo muda. Taí uma coisa que não me deprecio: responsabilidade. Não quando são as minhas, mas quando isso envolve o meu próximo. Sou excelente. Resolvo o problema, converso, raciocino logicamente, enfim.. de 0 a 10, sou 1000. Beigos modéstia.

   Engraçado que por ser tão mão fechada com o dinheiro que não é meu, não sou consumista e nem apreciadora de saídas e restaurantes caros. Já me diverti muito mais com 5 reais no bolso ( e os meus amigos que estavam junto comigo tinham 2 dinheiros cada, ou seja, eu era a ryckah do grupo) do que com 80 e pá.

   Isso tudo me mostra que tenho grande potencial de ser rica sem problemas. Pelo menos esse fato me conforma e torna menos duro o fato de ser eu.

You May Also Like

1 soltando o verbo

Soltem o verbo...