Free Willy do Rio Acre

by - terça-feira, outubro 26, 2010

 crianca-com-raiva-menina-cor

Eu não sei o que se passa na cabeça dos meus professores. Provavelmente merda porque só um gênio manda fazer uma entrevista com psicólogo, mas o babaca do aluno não pode realizar essa tarefa com o melhor corpo docente disponível no Estado do Acre que por acaso pertence ao lugar em que estudo. Não.. TEM QUE TER ESFORÇO, MAIS TRABALHO, NÉ FESSORA? Meu cu.

Minha amiga e eu nos juntamos para fazer essa porcaria. Ok. Em que canto, meo deos, em que canto do Acre eu arranjaria um psicólogo? Porque de boa, os caras se escondem nesse lugar. Tá né. Tem outra faculdade aqui que tem o curso logo, teria gente da área. Fomos lá. Chegamos na coordenação e ficamos esperando. Sendo que tinha duas pessoas que seriam atendidas antes da gente. A coordenadora? Só na fofoca enquanto aguardávamos a boa vontade. Gente, esse animal sai da sala. Free Willy, O retorno. A menina fala:

 free-willy
-Professora, preciso falar com a senhora.
- NÃO DÁ NÃO VOU DAR AULA AGORA!-
Falou de forma áspera, indigna, totalmente mal  educada, diabolicamente… GENTE, BALEIAS FALAM?

Não sei em que clínica veterinária essa mulher se formou, mas olha… erraram na distribuição de diplomas. Aquilo não pode lidar com seres humanos.

Estou putíssima aqui, sem o trabalho em mãos tuudo por causa da Orquinha.  Só digo uma coisa:

EU QUERO É O MAR SEQUE PRA EU COMER BALEIA ASSADA!

You May Also Like

0 soltando o verbo

Soltem o verbo...